Livro de capa dura

Grécia retira todas as restrições de entrada em 2 de maio.

Não será mais necessário apresentar comprovante de vacinação nem PCR negativou ou prova de recuperação de contaminação.

Além da Suíça, a Grécia também está retirando todas as restrições de entrada relacionadas à covid-19. A partir de 2 de maio, os visitantes estrangeiros, incluindo brasileiros, não precisarão mais apresentar comprovante de vacinação, teste PCR negativo ou prova de recuperação após contaminação pelo vírus.


De acordo com o ministro grego da Saúde, Thanos Plevris, isso significa que todos os viajantes, mesmo aqueles que não foram vacinados ou recuperados do vírus, bem como aqueles que não realizaram o teste, independentemente de chegarem à Grécia a partir de um país da União Europeia ou de um país terceiro, em breve poderão entrar sem restrições para todos os tipos de viagens.


Segundo dados do Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças, a Grécia administrou um total de 20.726.866 doses de vacina contabilizadas até 21 de abril. O número representa que 81,9% de toda a população adulta completou as duas doses e outros 64,6% receberam uma dose adicional.


RESTRIÇÕES NO PAÍS

As medidas de restrições internas também serão suspensas em 2 de maio. Com isso, os visitantes e residentes poderão entrar em bares, cafés, restaurantes e outros locais e estabelecimentos sem a necessidade de apresentar um comprovante de vacinação contra a covid-19.


A decisão da do país de suspender as regras de entrada foi tomada próxima à chegada da temporada de verão (no Hemisfério Norte), muito forte no destino No entanto, há uma possibilidade de as restrições de entrada serem reintroduzidas novamente até o final de setembro.


Fonte Original: Panrotas - 6/04/2022 13:43 | Beatrice Teizen

1 visualização0 comentário