Livro de capa dura

Suíça retira restrições para entrada a partir do dia 17 de fevereiro.

O passe sanitário será abolido a partir do dia 17 de fevereiro/22 e novas regras passam a valer.

As autoridades de saúde da Suíça determinaram que, a partir de amanhã (17), a maioria das restrições relacionadas à covid-19 serão retiradas para os viajantes.


Nesta quinta-feira, portanto, o passe sanitário suíço será abolido, e quem quiser entrar na Suíça está dispensado das seguintes regras:


- Exigência de passe sanitário para acessar locais fechados;

- Exigência de máscara em lojas, restaurantes, bem como em outros ambientes públicos (instalações, locais e eventos);

- Exigência de máscara no local de trabalho;

- Exigência de autorização para eventos de grande escala;

- Restrições em reuniões privadas.


O uso de máscara, no entanto, permanece obrigatório nos transportes públicos e instituições de saúde, pelo menos, até final de março. A ideia é que até o início de abril caia também a obrigatoriedade do uso do equipamento de proteção individual.


PARA ENTRAR

A única exigência para turistas brasileiros entrarem na Suíça é a vacinação completa. O formulário de entrada não será exigido.


Veja a seguir um resumo das regras de entrada:


- Brasileiros devem estar totalmente vacinados a contra covid-19 (com imunizantes autorizados e reconhecidos pela OMS);

- Os certificados de vacinação terão validade de 270 dias após a última dose;

- Não há necessidade de apresentar testes PCR ou antígeno. Entretanto, caso o passageiro faça conexão em outro país é preciso verificar as regras do país de conexão;

- Para retornar ao Brasil é necessário providenciar um teste PCR ou antígeno negativo.


Fonte Original: Panrotas - 16/02/2022 14:05 | Filip Calixto



0 visualização0 comentário